Sem rumo. O vice-governador Carlos Brandão perambulou por Brasília durante dois dias, à procura dos líderes nacionais do PSDB. Mas fracassou na tentativa de manter o partido atrelado ao governo comunista de Flávio Dino. Quem viu o tucano na capital de Brasília disse ter ficado entristecido com o mico que a ligação com Dino o faz passar no PSDB.

Fracasso. Antes de ir a Brasília, Brandão tentou, também sem sucesso, garantir assinatura de prefeitos e deputados tucanos em uma nota de desagravo do Diretório Maranhense. Ele queria apresentar este documento aos dirigentes do PSDB nacional, na tentativa de demovê-los da ideia de entregar o partido ao senador Roberto Rocha (ainda no PSB).

Parlamentares da legenda alertaram ainda que a forçação de barra do vice-governador apenas aceleraria a sua defenestração do ninho tucano. Quem acompanhou o vice-governador Carlos Brandão em Brasília garante que as lideranças do PSDB sequer aceitaram ouvir suas lamentações.
do Estado Maior

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui