O paladino da “imoralidade” e o rei da hipocrisia, o guardião da arrogância, é desmascarado no escândalo de desvio de dinheiro da secretaria de  saúde, Flávio Dino sabia? Carlos Lula Sabia? Quem governa o estado?

Falsos moralistas travestidos de salvadores da pátria. A mídia remunerada ,manjada e cansada, defendendo sempre  o absurdo, joga o discurso de mudança na lama, – Flávio Dino mentiu, traiu e enganou o povo maranhense.Com fervoroso, e  enganador discurso de mudanças.

Um escândalo sem precedentes que mais uma vez a desagastada foice vermelha tenta culpar a gestão passada.Sem falar em aluguéis camaradas , propinas de empreiteiros outros escândalos descomunais.

As filas dos hospitais continuam, a saúde do estado do maranhão foi ferida de morte, alvejada pela corrupção de um governo demagogo. A esperança virou medo, a mudança virou atraso, o silêncio sepulcral de Flávio Dino gera  atestado de cumplicidade na sangria do dinheiro público, como justificar tanto aumento de impostos?, como justificar tanto dinheiro gasto em mídia?, tanta violência?, tanto desemprego?, tanto atraso? ,como explicar tanta irresponsabilidade?, tanta corrupção?. O estado do maranhão hoje é um circo onde a maior atração é o palhaço, e a lona pegou fogo.

Uma gestão sériae responsável  tem que haver transparência e controle de tudo, não há governo neste estado, há uma cortina de fumaça, planejada e desenvolvida para ludibriar os menos informados, e encantar os tolos fanáticos remunerados. Os mesmos vícios e costumes da política podre, apadrinhamentos, fantasmas, super salários, fraudes em licitações formação de quadrilha, peculato, desvio de dinheiro público, improbidade administrativa.  Fere covardemente a área mais importante e sensível  da gestão publica , a saúde do estado.

Um político torpe, que prega a moralidade e respira corrupção, o eleitor maranhense hoje tem cravado no peito o sentimento de traição, de dor, a decepção de quem acreditou na possibilidade de mudança, de avanço, de desenvolvimento de prosperidade, vê hoje com essas denúncias o quão frágil é sua esperança e o quão viu é a mentira organizada. O quão é cruel a farsa.

“O contador de história”, “O rei dos tolos” “O encantador da seita”,” O professor de Deus” O comunista caviar” como é conhecido nos corredores do palácio,  se afoga na soberba da hipocrisia generalizada, e a verdade vem à tona saindo do túmulo a sorrateira face de um político,  incrivelmente patético.

E seria menosprezo a inteligência dos mais débeis, acreditar que Flávio Dino não sabia de nada.Temo que os mais imbecis ainda acreditem.

É a  opinião.

por viúvasonline.

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui