Assassino do jornalista Décio Sá, Jhonathan Silva mata detento no Presídio São Luís 4

O paraense Jhonathan de Sousa Silva, assassino confesso do jornalista Décio Sá, envolveu-se em uma briga, na manhã deste domingo (7), na Unidade Prisional de Ressocialização de São Luís 4 (UPSL 4).

Durante o banho de sol, Johnatan se desentendeu com Alan Kardec Dias Mota e o feriu no peito com um pedaço de ferro, conhecido como chuço.

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária do Estado do Maranhão informou que o ferido Alan Kardec foi socorrido e levado ao Hospital Municipal Dr. Clementino Moura (Socorrão 2). Ele não resistiu aos ferimentos e morreu ao dar entrada no hospital.

Jhonathan foi encaminhado ao Plantão Central da Vila Embratel, onde prestou depoimento. Ainda não houve divulgação do teor do depoimento e a motivação da briga.

A Polícia Civil abriu inquérito para apuração dos fatos. Detentos da Unidade Prisional de Ressocialização de São Luís 4 (UPSL 4) serão ouvidos nas próximas horas.

Alan Kardec seria líder de uma facção criminosa. Jhonatan Silva deve ficar em cela isolada sob risco de sofrer represália por parte de integrantes dessa facção.

Neste momento, para evitar maior tensão no presídio São Luís, talvez a Seap opte por transferir o assassino para um presídio de segurança máxima em outro estado.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *