Fim dos boatos:Vitima desmente estupro e a polícia tranqüiliza a população de Paço do Lumiar

A Polícia Civil do Maranhão, por intermédio da Superintendência de Polícia Civil da Capital, Seccional Leste e Delegacia Especial do Maiobão, vem a público esclarecer, em especial às mulheres residentes no município de Paço do Lumiar, que, a respeito da suposta “onda de estupros” que estaria ocorrendo nos últimos dias no conjunto do Maiobão, envolvendo autores desconhecidos que estariam abordando as vítimas em um veículo preto, todos os esforços da Polícia Judiciária foram imediatamente feitos no sentido de investigar os fatos, sendo descoberto que, a princípio, seriam dois os casos reportados.

Um dos quais logo se chegou à autoria e as investigações estão sendo conduzidas no sentido de confirmar a materialidade delitiva e as circunstâncias do evento. Em relação à outra ocorrência, após dois dias de investigação, com análise de câmeras de monitoramento e realização do mesmo percurso que a vítima afirmava ter feito, e sendo constatadas inconsistências nos relatos, a própria vítima confessou que teria inventado a história, comunicando inclusive por meio de registro de ocorrência o fato, com a intenção de impedir que seu namorado terminasse o namoro, tendo sido um evento fantasioso criado por ela.

A equipe da Delegacia do Maiobão continua investigando os dois casos, inclusive no sentido de responsabilizar criminalmente os responsáveis pela falsa comunicação de crime, que ocasionou a mobilização desnecessária das forças policiais e gerou  certo pânico nos moradores da área.

Deixe uma resposta