Os dias 23 e 24 de abril são datas importantes para a comunidade surda no Brasil, pois é quando se comemora respectivamente o Dia Nacional da Educação de Surdos e Dia Nacional da Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Jonathan Camilo, Gestor Geral do  IEMA

“Estamos em mês de comemoração de importantes conquistas para a comunidade surda de todo o Brasil, queremos continuar acreditando que o respeito à diversidade humana e ao pluralismo cultural, seja o ponto de partida da nossa caminhada rumo a transformações conceituais e práticas da escola, a fim de garantir educação para todos, por meio de aprendizagens efetivas que garantam a permanência do aluno e, consequentemente, seu sucesso escolar”. Relatou. Jonathan Camilo, Gestor Geral, disse ainda que os direitos adquiridos por essa categoria não fique somente nas legislações, posto que os mesmos já perderam muito do seu tempo sendo segregados durante anos a fio em escolas especializadas, que só serviram de pano de fundo para a grande discriminação que assola o país, além de não acrescentar nada ao processo de desenvolvimento do surdo enquanto pessoa ou como cidadão, a Lei 10.436 veio justamente para proporcionar ao surdo, mais que apenas uma inclusão, mas sim uma valorização maior destas pessoas e o reconhecimento de que todos podem qualquer tipo de função que estejam condizente com suas habilidades.  

Jhonatan Camilo (Gestor Geral), Clériston (Gestor pedagógico), Hildejane (Gestora Administrativa)

23 de abril: “Dia Nacional de Educação de Surdos”, uma data criada para celebrar as lutas e conquistas da escolarização de estudantes surdos e a integração no ensino regular.

📌24 de abril: “Dia Nacional da Libras”, uma data criada para comemorar o uso e regulamentação da Língua Brasileira de Sinais e que serve como importante ferramenta para inclusão social. O dia 24 de abril foi escolhido porque é a data da publicação da Lei nº 10.436/02, que dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais – Libras e dá outras providências.

Parabéns a todos que fazem parte da comunidade surda brasileira por essas importantes conquistas.

Educação é direito de todos! Jonathan Camilo, Gestor Geral do  IEMA

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui