As festas juninas estão chegando, não teremos os brincantes   nos arraiais, nos resta apenas as lembranças dos bons momentos apresentados pelos artistas maranhenses

Ao tirar do calendário as festas juninas em decorrência do Covid-19, muitos profissionais envolvidos nos espetáculos das quadrilhas juninas e trabalhadores informais ficarão mais uma vez sem suas respectivas rendas.

 As festas juninas estão chegando e dá um aperto no coração saber que, por conta dos riscos da pandemia,não teremos os arraias de bairros, as famílias reunidas em frente de casa, o colorido das bandeirinhas e as brincadeiras enchendo nossas cidades de música e alegria. E dá mais tristeza ainda saber o quanto um segundo São João sem arraiais é difícil para os artistas maranhenses, para os grupos de cultura popular e para todas as pessoas que tiram o sustento das festas juninas. No Congresso, aprovamos a Lei Aldir Blanc que garantiu apoio financeiro para a cultura e o turismo em 2020. Agora a luta é para derrubarmos os vetos que retiraram os principais benefícios da lei, prorrogada em 2021. Faço o meu compromisso de apoiar a cultura do Maranhão.

#CompromissoComOMaranhão #SãoJoãodoMaranhão2021 # FestasJuninas2021 #CulturaPopular

Veja isso:

https://wevertonrocha.com.br/2019/06/12/weverton-promove-sao-joao-do-maranhao-no-senado/

https://www.gov.br/pt-br/noticias/cultura-artes-historia-e-esportes/2020/08/lei-aldir-blanc-de-apoio-a-cultura-e-regulamentada-pelo-governo-federal

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui